Os professores do Núcleo de Pesquisa da Escoop, Prof. Me. Deivid Ilecki Forgiarini e Professor Dr. Heitor Mendina, participaram do II Fórum Conecta, organizado pelo Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Federal de Santa Maria, que ocorreu no município de Santa Maria e contou com apresentação (oral ou por poster) de centenas de artigos científicos da área de gestão.

Forgiarini apresentou dois artigos, sendo um deles em co-autoria com seu bolsista da Escoop, o acadêmico do Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Cooperativas, Diogo Francisco Silva. Os artigos apresentados foram: “Technology Roadmapping como metodologia para geração de Capacidades Dinâmicas” e “Uma metodologia para a criação de uma Universidade Empreendedora no RS: o caso da Escoop”.

Technology Roadmapping é uma metodologia da área de engenharia de produção utilizada por empresas como Philips, Corning, General Motors, Intel, Erickson, British Telecom, Dell, U-healthcare, Xerox e se caracteriza por ser uma metodologia baseada em workshops entre as várias áreas da empresa criando um caminho detalhado para a geração de tecnologias e valor agregado para a empresa. “Capacidades Dinâmicas” é uma teoria da área de administração estratégica, que afirma que a empresa deve estar sempre se reinventando, porém, segundo os autores, carece de uma metodologia apropriada, ao qual os estudos do professor sugerem a Technology Roadmapping como uma possível metodologia para tal. “Universidade Empreendedora” trabalha o conceito da tríplice hélice. Ou seja, universidade, governo e empresas trabalhando juntos e de forma integrada e empreendedora para que os conhecimentos saiam de dentro da universidade e gerem desenvolvimento sustentável. No segundo artigo, o professor e o bolsista fizeram a análise de que é preciso gerar capacidades dinâmicas para que a Escoop seja empreendedora e, por isso, sugeriu o Technology Roadmapping como metodologia possível.

O professor Dr. Heitor Mendina, com o apoio do acadêmico Evaldo Farias Tiburski, apresentou o artigo “Fatores impulsionadores e restritivos à intercooperação em redes de cooperativas agroalimentares: estudo de caso malsucedido de rede do RS”. O artigo é relevante para o atual cenário, pois destaca a importância da intercooperação (tema destacado de forma uníssona no Seminário Gaúcho de Cooperativismo) e apresenta por meio de um exemplo que não deu certo, os motivos do insucesso, algumas observações para sucesso futuro.

Segundo Forgiarini, além dos artigos da Escoop, apenas um outro artigo teve o cooperativismo como tema. “As ações de pesquisa da Escoop levam o debate do cooperativismo de uma forma eficaz para além do mundo cooperativista, mesmo que esteja ainda a serviço do sistema cooperativista. Assim desmistifica-se o cooperativismo para as pessoas que não o conhecem e aproxima novos talentos e novas pessoas para o desenvolvimento desta forma de alcançar a satisfação das pessoas envolvidas”.

Compartilhar: